fbpx
Gastronomia
Mala e Cuia

Muitos turistas procuram por um roteiro de viagem pela França com foco na gastronomia, para provar vinhos conhecidos mundialmente pela sua singularidade e conhecer a cozinha tradicional francesa, que conta com ingredientes e produtos típicos da região.

Para isso, nós, da Mala e Cuia, vamos mostrar a você o roteiro de Champagne e Borgonha: duas regiões antigas e famosas pela história e gastronomia. Confira!

Champagne

Champagne é uma região próxima a Paris, a apenas 150 km de distância, além disso, Champagne é uma província histórica, com muitos lugares simbólicos para visitar. E, por último e o mais importante, foi nessa região que os franceses desenvolveram o vinho espumante que as pessoas tanto gostam no mundo inteiro.

Reims

Reims é a cidade mais importante de Champagne, que conta com muitas construções históricas e bem conservadas que impressionam e aproximam os turistas com uma ambientação medieval.

Reims
Mala e Cuia

É nessa cidade, inclusive, que fica a chamada Catedral de Notre Dame de Reims, um prédio histórico com muitas estátuas decorativas. A mais famosa delas é o Anjo Risonho, um símbolo da cidade.

 Catedral de Notre Dame
Wikipedia

Gastronomia

Champagne oferece uma grande riqueza para quem aprecia as viagens gastronômicas: além dos famosos vinhos da região, você também poderá experimentar outras especialidades e preparos, como presuntos, noz-moscada, salsinhas, échalotes (cebolas vermelhas), queijos, mostardas e outros!

Borgonha

Borgonha fica no coração da França, uma região com muita cultura passada de geração para geração, principalmente na gastronomia. O lugar também é rico em construções históricas, algumas consideradas como patrimônios culturais da humanidade.

Dijon

Dijon é a cidade mais popular de Borgonha. O lugar tem muitas construções preservadas da época medieval (casas, palácios, igrejas, etc.), inclusive com os detalhes artísticos da arquitetura daquela época.

Os visitantes ficam encantados com o curioso fato de ter desenhos de corujas em vários cantos da cidade. A coruja é um símbolo para a população de Dijon por causa da história da Igreja Notre Dame, que possui uma pequena coruja em que as pessoas podem tocar com a mão esquerda e fazer um pedido que será realizado.

Dijon
Pinterest

O Mercado Público de Dijon também atrai a atenção dos visitantes, pois foi projetado pelo mesmo engenheiro da torre Eiffel, Gustave Eiffel. O mercado é considerado um templo para a gastronomia francesa. Se você quer encontrar produtos diferentes que não vemos por aqui no Brasil, precisa passar por lá!

Gastronomia

Os vinhos da região, além de outros produtos derivados da uva (como as geleias, que são bem famosas por lá também), possuem sabor e aroma únicos dos frutos da terra de Borgonha. Além disso, os visitantes passam pelas experiências de conhecer os processos de produção, as terras e as plantações. Ainda é possível conversar com as famílias produtoras.

Gastronomia
Mala e Cuia

Em Borgonha, os cidadãos também falam muito da “trilogia sagrada” de sua gastronomia: mostarda, cassis e pão de especiarias, três produtos especiais que você vai encontrar muito por lá, principalmente em pratos típicos.

Por causa de tantos anos de história e de costumes gastronômicos que são passados de geração para geração entre as famílias produtoras, essas duas regiões compõe um excelente roteiro de viagem pela França, para os amantes de comida farta e de um bom vinho!

Agora que você já sabe o melhor roteiro gastronômico na França, veja os detalhes do nosso pacote de viagem Champagne, Borgonha e Paris e ainda aproveite para conhecer os encantos da capital do país. Boa viagem!


Champagne e Borgonha

Confira todos os detalhes do pacote
(valores, datas, hotéis, serviços, etc).



pt_BRPortuguese
pt_BRPortuguese