fbpx
Copenhague
Getty Images

A capital dinamarquesa, Copenhague, é considerada a cidade mais feliz do mundo. Isso porque, por lá, a qualidade de vida é altíssima e a população tem uma maneira muito particular de encarar a vida: muito além dos bens materiais, os moradores dão valor às coisas simples da vida cotidiana. Quer incentivo maior que esse para visitar a cidade? Então confira cinco pontos turísticos incríveis para você conhecer por lá.

1) Nyhavn (Porto Novo)

Esse é um dos pontos turísticos mais visitados pelos turistas. O local, que na verdade é o canal onde passa o rio, é conhecido por ser o cartão postal da cidade e chama atenção pelas casas coloridas. Já foi um porto comercial bastante importante, mas hoje se destaca pelos vários restaurantes que tem em volta.

A entrada é gratuita e a dica é escolher o restaurante que mais agradar para fazer uma boa refeição com essa vista. Se você gosta de passeios diferentes, também é possível andar de barco pelo canal. E além de observar a bela vista, vale a pena explorar o bairro, onde você encontrará outros pontos turísticos.

Nyhavn
Getty Images

2) Parque Tivoli

É um dos pontos mais antigos da cidade, fundado em 1843. Algumas pessoas o chamam de parque de diversões, pois é um local onde se encontra jardins, arquitetura, luz, magia e muitas atrações, além dos brinquedos radicais.

O parque fica aberto no verão e na primavera, quando a temperatura é a mais propícia para passeios, mas também se torna muito atrativo nas épocas de Halloween, Natal e Ano Novo, quando o local fica decorado. É possível comprar ingressos separadamente para visitar os jardins ou para curtir os brinquedos. Vale a pena visitar!

Tivoli
Attractions Management

3) Palácio de Amalienborg

O palácio formado por quatro edifícios idênticos é a residência da família real da Dinamarca. Os edifícios ficam em volta de uma praça, onde está a estátua do Rei Frederik V. As atrações mais indicadas do Palácio são a troca de guarda – que ocorre todos os dias ao 12h – e os museus, onde se encontram relíquias e aposentos intactos dos antigos reis e rainhas.

Amalienborg Palace
Getty Images

4) Estátua da Pequena Sereia

Em 1913 um cervejeiro, chamado Carl Jacobsen, assistiu uma performance de Ballet que contava a história da Pequena Sereia. Encantado, Carl resolveu presentear a cidade de Copenhague com uma estátua da famosa sereia.

Como a história conta que a sereia vinha à beira do rio todas as manhãs e noites e sentava na pedra esperando seu príncipe encantando, foi assim que a estátua foi colocada no local. A visita é gratuita e vai render boas fotos!

Pequena Sereia
Go By Bike

5) Palácio de Christiansborg

Este palácio foi construído em 1740 e a intenção era que ele fosse a residência oficial da Família Real e o Parlamento da Dinamarca. O que mudou os planos foi o fato do prédio ter sido atingido por uma sequências de incêndios que danificaram a estrutura do espaço. Para ter a dimensão dos estragos, o palácio teve que passar por três grandes reformas para reconstruir suas principais características!

Por conta da segurança, hoje o Palácio serve somente como escritório do Primeiro Ministro e do Parlamento, sendo que o prédio que você verá foi construído em 1928. A única parte gratuita é a torre do Palácio, mas vale a pena conhecer o interior do local comprando o ingresso.

Christiansborg Palace
Getty Images

Esses são apenas os pontos indispensáveis da cidade mais feliz do mundo, Copenhague! Ainda tem muito mais a explorar e com certeza você vai se apaixonar por cada lugar onde for! Confira o roteiro completo para Escandinávia que desenvolvemos e se encante. Boa viagem!


Escandinávia

Confira todos os detalhes do pacote (valores, datas, hotéis, serviços, etc).

pt_BRPortuguese
pt_BRPortuguese