fbpx

De comissária de bordo a guia de viagens

Aos 51 anos, Andreia Peck aproveita a experiência que teve nos aviões da Varig para trazer tranquilidade aos passageiros da Mala & Cuia

Durante 20 anos, a rotina de Andreia Peck era andar de avião quase todos os dias. O trabalho como comissária de bordo da Varig terminou, mas transformou as viagens dela em uma grande paixão. 

Hoje, aos 51 anos, Andreia é guia acompanhante da Mala & Cuia e leva os passageiros desde Porto Alegre para destinos em diferentes partes do mundo. A oportunidade da nova profissão não surgiu por acaso: apareceu durante o Festival de Turismo de Gramado (Festuris), em novembro de 2017. Após ter se candidatado, foi chamada e teve o perfil aprovado. 

“Adoro o contato com as pessoas. Observar como elas interagem com a cultura e a gastronomia são momentos são mágicos para mim”, revela Andreia. 

Formada em Administração com MBA em Gestão de Negócios, a guia tem espírito inquieto e ama estar em movimento. Aos 18 anos, iniciou a carreira de comissária em São Paulo. Ter fluência na língua inglesa foi um dos pontos mais importantes para sua aprovação (ela também fala francês e espanhol) e, aos 22 anos, começou a trabalhar em vôos fora do país.

Na opinião da empresária Karina Carollo, que viajou ao Marrocos acompanhada de Andreia, a viagem foi muito interessante e proveitosa. “Foi minha primeira viagem internacional, e tudo foi muito tranquilo. A Andreia é uma pessoa muito responsável, comprometida, atenciosa e tinha um cuidados com todos”, comenta. 

Para Andreia, na função de guia da Mala & Cuia, ela diz ser metódica e detalhista. Ela preocupa-se principalmente em saber se os passageiros compreenderam as informações e o roteiro, mesmo que ela precise repetir as orientações algumas vezes. 

“Eu tento sempre estar por dentro do roteiro completo, das atrações, das curiosidades, da história local para estar alinhada com o contexto que está acontecendo ali. Então, busco sempre ler antes e durante o percurso”, explica a guia.  

Guia acompanhante traz segurança para as viagens internacionais

Conversar com os passageiros e conhecer diferentes pessoas é uma das funções que Andreia mais gosta na profissão. Ela afirma que a melhor parte das viagens é quando o grupo de passageiros se enturma e desfruta de momentos como amigos. Além disso, ela auxilia os viajantes nos deslocamentos e na execução dos passeios previstos.

“Ter um guia desde Porto Alegre foi um dos pontos primordiais que me fizeram escolher um pacote. Era minha primeira viagem internacional e eu tinha muito medo, não falava outras línguas e estava conhecendo outra cultura. Além disso, por ser mulher, sabia que o Marrocos poderia ser complicado”, ressalta a empresária Karina Carollo.

Além de acompanhar os grupos pelo mundo, Andreia tem 20 países no currículo. Mesmo assim, ainda fica entusiasmada com cada viagem, porque estar na estrada e explorar novos destinos é o que a motiva.

“É sempre emocionante. Quando eu entro em um avião é como se fosse um túnel do tempo. Ao chegar em um novo país tudo é diferente, parece que a energia me renova”, comenta.

pt_BRPortuguese
pt_BRPortuguese